Charlys da Rocinha: conteúdo musical que vai desde o arrependido até o adorador

Conhecido como o cantor que vendeu mais CDs que Roberto Carlos, na maior favela da América Latina, a Rocinha, no Rio de Janeiro, Charlys da Rocinha já foi destaque em programas de grande audiência nacional, como Fantástico e Domingão do Faustão, exibidos na Rede Globo. O artista, atualmente convertido ao Evangelho, fala em entrevista sobre conversão, ministério e novos projetos.

Como conheceu a palavra de Deus?

Em Teresina, no Piauí, através da passagem bíblica de Isaías 57:14 – 20.

E sua conversão, como aconteceu?

Depois de uma depressão profunda, clamei por Deus e Ele me respondeu. Foi uma noite inesquecível, quando comecei a sentir mais forte o que já vinha me atormentando há anos, uma incontrolável depressão que me levava para a cama durante a semana e eu só saía para fazer os shows nos fins de semana. Foi quando minha noiva lembrou que eu havia comprado uma bíblia no carnaval, em Tocantins. Naquele momento, oramos a Deus e pedimos a Ele que falasse conosco, pois nada me consolava. Na manhã seguinte, quando acordei, muitos problemas que me assolavam já tinham sido resolvidos. Antes mesmo de completar 12 horas, Deus já começava a agir em minha vida. Dali em diante, comecei a ter uma ideia diferente de Deus e sentir uma vontade incontrolável de conhecer mais profundamente Aquele Homem Poderoso que acalmara meu coração.

Como foi o início de seu ministério musical?

Após minha conversão, Deus me prometeu que, com os frutos dos meus lábios, Ele levaria a paz para os de perto e os de longe. Foi por isso que gravei meu CD.

Qual a diferença entre louvar a Deus e apenas cantar, como fazia anteriormente?

A unção de Deus é muito forte e a diferença é muito grande porque hoje eu canto sabendo o que canto e com amor para alguém que me salvou.

O que o álbum “Eu Acredito em Deus” traz de especial?

Músicas que vão desde o arrependido até o adorador. Orei antes, durante e depois  de fazê-las. Além disso, tem uma promessa de Deus que Ele vai curar pessoas com esses louvores, e eu creio nisso.

Você assina 12 músicas deste trabalho. Como surge a inspiração para compor letras tão fortes?

O Espírito de Deus me deu nas madrugadas quando ninguém me dava músicas, por isso sei que foi Ele quem me deu essas músicas.

Você se preparou espiritualmente para produzir este CD? Como foi este preparo?

Sim, sempre orei para concluir esse trabalho. Levei muito a sério cada momento da gravação e até apagava as luzes para louvar. Foi inesquecível.

E seus sonhos para o futuro, poderia adiantar algum?
Quero continuar sendo um verdadeiro adorador e falar desse Deus maravilhoso, que me curou, e levar cura para todos os que buscam a palavra de salvação do nosso Deus.

Testemunho assista:

Fonte: Assessoria de Imprensa Line Records
Anúncios